Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Cheiro dos Livros

Depois de ser uma aventura radiofónica resume-se agora a uma forma de manter a minha biblioteca pessoal organizada...

O Cheiro dos Livros

Depois de ser uma aventura radiofónica resume-se agora a uma forma de manter a minha biblioteca pessoal organizada...

Por Acaso - Casos de Vida, Casos de Morte de Lara Morgado (Opinião)

Milheiras, 29.01.18
 Opinião:
 
Como já vem sendo habitual com esta autora (Lara Morgado), demoro um dia a ler os seus livros, esta é a 2ª obra que leio dela. O Sete Minutos, foi uma obra que me fascinou tal como este Por Acaso. Continuo a achar que é necessário ter uma mente aberta para compreender os livros de Lara Morgado.
Este Por Acaso, tocou particularmente e mais uma vez voltei a ter a confirmação que os livros na minha vida não aparecem por acaso... Tinha perdido um amigo para o suicido, nem à 8 dias. E no ano passado também tive a noticia de um aborto retido. Fez-me lembrar o livro "Responde-me" de Susanna Tamaro
 
Excertos:
"«Pode ser que se tenha enganado», pensou, sentindo o coração assustadoramente acelerado."
(...)
" Eles sabiam lá aquilo que ela estava a sentir." pp36
 
(...)"É curioso pensar que o futuro é aquilo que nos levanta, aquilo que nos faz avançar , ter pressa ou preguiça, mas o futuro não é a vida, é só a sua suspeita, por isso, temos de nos contentar com o presente para viver.
E eles sabiam tão bem disso agora, a viver este presente, que não deixa que o futuro os salve. " pp38
 
É engraçado como qualquer existência ocupa lugar, mesmo antes de nascer. Isto de existir tem muito que se lhe diga. Quando começamos a ser o que somos? Qual foi o segundo em que a nossa identidade apareceu? Quando entramos na escola primária? No segundo dia de vida? Quando fizemos 18 anos? Quando respiramos pela primeira vez? Quando compramos casa? Aos 4 meses de gestação? Como é que raio isto funciona? "pp39
 
 
(...)"Tudo se desenrola como um parto normal, as dores, as contracções, tudo, com a devastadora diferença de não haver recompensa." (...) pp40
 
(...) " Mas aqui as dores estavam por todo o lado e eram apenas um meio de mostrar a morte." pp41
 
 
"Todos os caminhos são únicos. E é o nosso caminho que faz a nossa identidade. E a nossa identidade é sem dúvida aquilo que nos faz sentir vivos. Desde que nascemos abrimos os olhos para esta enorme coisa que temos à frente, a vida.  pp175
 
 

Wook.pt - Por Acaso - Casos de Vida, Casos de Morte

 

 

Título: Por Acaso - Casos de Vida, Casos de Morte

Autor:  Lara Morgado

ISBN: 9789897020407

Edição ou reimpressão: 01-2012

Editor: Editora Guerra & Paz

Idioma: Português

Encadernação: Capa mole

Páginas: 187

 
 
 
 
Sinopse

Um homem entra no consultório de uma psicóloga e diz-lhe: «Venho despedir-me. Hoje vou suicidar-me!» E se não fosse ficção. Se fosse a pura realidade. Neste livro, a psicóloga Lara Morgado centra-se em quatro casos de vida ou de morte.

Quatro casos reais:

Uma jovem é abandonada pelo namorado na semana do casamento. Um talentoso estudante tem um acidente e fica paraplégico. Um casal à espera do primeiro filho descobre que o bebé está morto na barriga da mãe. Uma mãe de família com dois filhos, logo a seguir à morte do marido, é despedida.

O que dizem e o que se pode dizer a estas pessoas em sofrimento? Qual a chave para resistir aos terríveis acasos da vida? Deus? A palavra do especialista? A força interior de cada um de nós?

Por Acaso - Casos de Vida, Casos de Morte é um livro surpreendente: nasce da vida, destes casos de vida, e mostra-nos que a doença e a cura estão na própria vida. Na vida e nas mãos de cada leitor.

«Vamos fazer um último jogo os dois. Se ganhar, continua o seu plano de acabar com a sua vida e eu estarei no seu funeral; se perder, terá que continuar vivo.