Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Cheiro dos Livros

Depois de ser uma aventura radiofónica resume-se agora a uma forma de manter a minha biblioteca pessoal organizada...

O Cheiro dos Livros

Depois de ser uma aventura radiofónica resume-se agora a uma forma de manter a minha biblioteca pessoal organizada...

A Paixão de Maria Madalena - Margaret George

Milheiras, 23.03.10

 

 

Normalmente, as minhas opções recaem para autores portugueses, mas sem dúvida que existem livros que nos puxam outros e acabei por ter curiosidade em ler este. A Paixão de Maria Madalena A Mulher que amou Jesus. Volume I.

Que nos descreve a infância até atingir a idade adulta. Mais uma vez é um dos tais livros que nos faz pensar. E colocar tudo o que sabemos de parte. Normalmente quando parto para um livro tento ir o mais em branco possível. Para mais facilmente entender o livro.

Na minha opinião não é um livro fácil de ler. Mas vale a pena!

 

Sinopse
"Margaret George apresenta-nos o seu romance histórico mais ambicioso e envolvente: a história de Maria Madalena, a amada discípula e companheira de Jesus. Mas quem foi de facto esta mulher? Uma prostituta? Uma representação do sagrado feminino? Uma líder da igreja? Ou todas elas? Embora as referências bíblicas a Maria Madalena sejam surpreendentemente breves, continua a provocar controvérsia, curiosidade e veneração. Conhece-se mais sobre ela do que sobre a maioria dos discípulos de Cristo e ainda hoje é reverenciada como a "Apóstola dos Apóstolos". Brilhantemente sustentada em investigações históricas e bíblicas, Margaret George recria a vida de Maria Madalena. Da sua infância e adolescência como uma menina comum — com os seus sonhos, visões, erotismo e o encontro com Jesus — até à sua transformação numa mulher adulta e independente, que vive uma notável transformação espiritual. Em última instância, Maria Madalena transcende a história e a ficção para se transformar num "diário da alma", numa viagem que é sempre pessoal mas também universal. A sua é uma história de fé e, como tal, Maria Madalena é a soma de todas as mulheres."

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.